Autor do homicídio poderá pegar uma pena de 13 a 42 anos de prisão

Quarta, 11 Abril 2018 10:59 Por

 

Delegado de Polícia informou que suspeito de autoria do homicídio de Claudiele Medina dos Santos, em caso de condenação, poderá cumprir pena de 13 a 42 anos de prisão
* Na manhã do último sábado (dia 7), a Polícia Civil de São Lourenço do Sul localizou o corpo de Claudiele Medina dos Santos, de 19 anos de idade, a qual estava desaparecida desde 17 de maço. Desde a comunição do desaparecimento de Claudiele, em 19 de março, foram realizadas diversas diligências, entre elas depoimentos de parentes e vizinhos da desaparecida e representação judicial pela quebra de registros telefônicos. Após o resultado das últimas ligações telefônicas de Claudiele, somada uma informação através do 190 para Brigada Militar sobre possível local em que corpo estaria, houve representação judicial para expedição de mandado de busca e apreensão na residência de André Kruger Bork, ex-namorado de Claudiele, na localidade de Boqueirão Velho. Na diligência realizada sexta-feira, com auxílio da Brigada Militar e do Corpo de Bombeiros, não foi localizado o corpo.
Na manhã de sábado, André Kruger Bork acompanhado de dois advogados, procurou o Delegado Edson Ramalho, apresentando-se como autor do crime e indicando o local em que enterrou Claudiele. O corpo foi localizado no galpão da propriedade de André, sendo acionada a perícia de criminalística do IGP.
Em interrogatório, André limitou-se a dizer que matou Claudiele e enterrou o corpo sozinho, sem fornecer detalhes.
Foi lavrado o Auto de Prisão em Flagrante por ocultação de cadáver art. 211 CP, encaminhado ao Presídio de Pelotas. Houve representação por prisão preventiva por Homicídio qualificado por feminicídio.

O Jornal

Contato

Localização

Social

© 2018 Jornal O Lourenciano
Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.
X

Right Click

No right click