Quarta, 05 Abril 2017 15:38

Matérias edição dia 06-04-17

Por

Bruna Elias é top 10 no Panamericano de Mountain Bike
* A atleta Bruna Elias, de São Lourenço do Sul, defendeu o Brasil no Campeonato Panamericano de Mountain Bike, em prova de XCO disputada na manhã do último sábado (1º), em Paipa, na Colômbia. Em seu ano de estreia na categoria Júnior Feminina, válida pelo ranking mundial, ela mandou muito bem, ficando no top 10 entre atletas de vários países das Américas. Bruna encarou um percurso de pouco mais de 3km em trilhas em meio a matas, com várias voltas. Raízes, pedras, terreno acidentado, subidas pesadas e descidas de alta velocidade foram alguns dos desafios. Bruna sentiu muito a altitude da Colômbia. “Minhas pernas estavam inteiras, eu estava confiante, porém meu corpo não reagia. Infelizmente a altitude interferiu no meu desempenho. Estou muito feliz e com a consciência tranquila, sei que fiz o melhor que podia e que cada gota de suor nos treinos valeu a pena. Foi uma experiência única, estou voltando para o Brasil com a melhor bagagem de prova que já tive”, escreveu a jovem em sua página no Facebook.
Além do XCO, que era a principal competição, ela disputou o XCE Sprint Eliminator categoria geral feminino (Junior/U23/Elite), na sexta-feira (31), conquistando a quinta colocação. Bruna também disse que esta foi a melhor semana de sua vida e que volta para o Brasil com desejo de treinar com o dobro de dedicação. É isso ai. Parabéns Bruna! (Cristian Iepsen - Foto: Arquivo Sul Pedal)
Intab pagou a quarta parcela aos fumicultores lourencianos
* A INTAB, Indústria de Tabacos e Agropecuária Ltda, no dia 31 de maio de 2016, apresentou um aditivo ao acordo de pagamento aos produtores de fumo que haviam entregue sua colheita no ano anterior e não haviam recebido, firmado anteriormente. Nos termos do primeiro acordo as partes haviam acertado o pagamento da dívida em cinco parcelas, de fevereiro a junho de 2016. Destas, três parcelas foram pagas pela devedora. Ficaram para serem pagas a 4ª e 5ª parcela, a serem liquidadas nos dias 27 de fevereiro e 30 de março deste ano. Segundo informações obtidas junto ao Sr. ENIO RITTER, Secretário do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, em fevereiro último foi anunciado pela INTAB que os pagamentos seriam postergados mais uma vez em 30 dias cada. Assim, a promessa foi de que a penúltima prestação seria paga no dia 31 de março e a última no dia 30 de abril. 
4º pagamento da Intab aconteceu
* No segundo contato feito pela Empresa Intab na última sexta-feira (dia 31), foi confirmado o pagamento da 4º parcela aos produtores de tabaco credores da empresa, no valor de R$ 265.000,00 (duzentos e sessenta e cinco mil reais), referente ao acordo firmado entre a empresa e os produtores no ano de 2015. Acordo este intermediado pelo Sindicato dos Trabalhadores/FETAG. Naquela ocasião, a entidade reuniu os produtores e a Intab para este acordo, visando evitar o ingresso na Justiça que poderia levar muito mais tempo para o produtor receber. Ficou ainda pendente a última parcela, mais os juros, a serem pagos no final do mês de abril de 2017, em um valor aproximado de R$ 365.000,00 (trezentos e sessenta e cinco mil reais). 
Notícias da ACEL
* resultados da 6ª rodada da Copa Planalto de Futsal realizada domingo último (dia 2) na quadra do Boqueirão, com mando do Só pra Incomodar - Passo do Pinto 1 x 4 Santa Isabel; Atletico 3 x 0 Planalto; Real Madri 2 x 3 Turma do Kit; Comercial Boqueirão 5 x 8 Rosario. Folgou: Só pra Incomodar.
* próxima rodada, domingo (dia 9) na quadra do Atlético, com mando do Real Madri. Início às 13:30 h com 15 minutos de tolerância - Rosario x Atletico; Comercial Boqueirão x Passo do Pinto; Turma do Kit x Só pra Incomodar; Planalto x Santa Isabel. Folga: Real Madri. Apoio: Planalto Motos em Boqueirão. Rogério Almeida - Presidente
Comitê Consultivo de Gerenciamento da Crise realizou reunião
* Na segunda-feira (3) ocorreu mais uma reunião do Comitê Consultivo de Gerenciamento da Crise. Formado pelo prefeito municipal Rudinei Harter, Secretária de Saúde Arita Bergmann, Adjunta Cintia Cunha, delegado de saúde Gabriel Andina, provedor da Santa Casa José Ney e o consultor Edemar Costa. A primeira pauta foi sobre o plano de compensação de procedimentos eletivos, que começará no sábado (08), onde será feito um mutirão para realização de 27 mamografias (já agendadas). O plano tem como objetivo compensar a não realização de exames e cirurgias eletivas no período em que a Santa Casa esteve paralisada. Na ocasião também foi falado sobre o administrador, o qual ficou acertado na primeira reunião que viria substituir o provedor José Ney nesta função. O consultor ressaltou que está sendo realizadas as tratativas para que terminem de decidir o profissional. A Santa Casa continua enfrentando drásticos problemas, durante a reunião foram discutidas também possibilidades para solucioná-los, como por exemplo, a redução de quadro de pessoal e reforma de contratação dos profissionais, adequando-se a necessidade. A prefeitura e o estado ressaltaram que farão uma análise do comprimento de metas contratualizadas com a Santa Casa, para cobrar a produção de serviço. O comitê também recomendou que seja constituído protocolos de atendimentos.
1ª parcela e cota única do IPTU vencem dia 11 de abril
* FORAM ENTREGUES quase 13.600 carnês, esperando-se uma arrecadação de R$ 5 milhões.
* A primeira parcela e a cota única do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) vencerá na próxima terça-feira (11). Em 2017, foram entregues 13.595 (treze mil quinhentos e onze) carnês, que poderão ser pagos na Caixa Econômica Federal ou agentes lotéricos conveniados. O pagamento antecipado em cota única garantira um desconto de 15% no valor total. Segundo o secretário municipal da Fazenda, Vilno Bork, a Prefeitura espera arrecadar R$ 5.021.447,92. Os recursos serão aplicados no pagamento de fornecedores e na folha de pagamento do funcionalismo. Em 2016, o município arrecadou R$ 3.511.570,59.
FURG: Campus SLS prepara-se para a Acolhida Cidadã 2017
* Para compartilhar a alegria em receber cada um dos novos calouros dos cursos de Agroecologia, Gestão Ambiental, Gestão de Cooperativas e Licenciatura em Educação no Campo, no período de 10 a 14 de Abril, acontecerá no campus São Lourenço do Sul a Acolhida Cidadã 2017. Durante a semana, além de um diálogo com a Direção do Campus e Direções dos Institutos que têm cursos ofertados no campus, esta edição do evento também contará com uma série de atividades que visam, além de instruir e apresentar a FURG aos ingressantes, prover a interação e fortalecimento das relações entre os estudantes e servidores. Dentre as várias atividades que serão realizadas no campus podem ser destacadas palestras, oficinas, atividades desportivas na Praia das Mães, rodas de conversa e momentos de troca de experiência. (Prof. Eduardo Saldanha Vogelmann - Diretor do Campus de São Lourenço do Sul)
Brigada Militar realizou 12° Operação Avante na zona rural da 2° Cia 
* NA ÚLTIMA quarta-feira (dia 29), às 16 h, foi desencadeada a 12ª edição da Operação Avante na área Rural da 2ª Cia 30ºBPM, sob o comando do 1º Sargento Eduardo Torales Gonçalves. O lançamento ocorreu na Av. Nonô Centeno nº 1728. Foram fiscalizados 39 veículos, abordadas 66 pessoas, efetuada uma barreira de fiscalização de trânsito, confeccionados dois autos de infração de trânsito. Dois veículos foram recolhidos e duas propriedades rurais foram visitadas. Foi presa uma pessoa em flagrante pelo crime de adulterar ou remarcar número de chassi ou qualquer sinal identificador de veículo automotor, previsto no Art 311 do CP. Foi realizado patrulhamento em diversas localidades do interior de São Lourenço do Sul.
Como foram as paralisações nas escolas estaduais em São Lourenço do Sul?
E. E. E. F. Monsenhor Gautsch, E. E. E. F. Pe. José Herbst, E. E. E. F. Cruzeiro do Sul e I. E. E. Dr. Walter Thofehrn: não paralisaram as atividades.
E. E. E. F. Vicente Di Tolla: alguns professores paralisaram durante sete dias e durante a mobilização nacional, no entanto a escola esteve funcionando. Já retornaram às atividades.
E. M. E. F. Maximiliano Strauss (em Boqueirão): só paralisaram na quarta-feira, 15 de março. E. T. E. Santa Isabel (em Santa Isabel): esteve com as aulas paralisadas devido à falta de transporte escolar, mas com a normalização já retornaram às atividades. E. E. E. M. Rodolfo Bersch (na Boa Vista): enfrentou problemas com transporte escolar, mas a situação já se normalizou e as aulas seguem normalmente.
Sogro matou genro à facada e foi recolhido ao presídio de Camaquã
* A POLÍCIA CIVIL DE SÃO LOURENÇO DO SUL esclareceu o terceiro homicídio ocorrido no município em 2015 e prendeu o autor em flagrante em menos de uma hora após o fato. Por volta das 22h do dia 25 (sexta-feira), a Delegacia de Polícia foi informada que havia dado entrada no Hospital da Santa Casa, um jovem com ferimento por faca que lhe teria atingido o coração. A vítima, identificada como Lucas da Silva Boemeke (23 anos - foto) não resistiu aos ferimentos e faleceu. Imediatamente a Seção de Investigações, sob a coordenação do Delegado Edson Ramalho, realizou diligências com levantamento do local e interrogatório das testemunhas, identificando como autor do fato R. S. (vulgo "BIDI" - 44 anos), sogro da vítima. Depois de fugir do local do homicídio, BIDI acabou preso no loteamento Colina do Sol, sendo autuado em flagrante e recolhido ao Presídio de Camaquã. Segundo depoimentos colhidos pela Polícia, a discussão entre eles começou pelo fato de Lucas haver apartado uma briga entre os cães do seu sogro, fato que foi interpretado como agressão aos cães. Segundo ainda a Polícia, o acusado R.S. estaria sob efeito de álcool e crack. Este é o segundo homicídio no ano cometido por pessoa sob efeito do crack em São Lourenço do Sul. Divulgação: Polícia Civil.
12 dias depois do arrombamento as investigações ainda não haviam iniciado
* NA NOITE do último dia 18 de março aconteceu o arrombamento da empresa Casa do Produtor, à Av. Sony Corrêa, sita próximo à Rodoviária, quando foram quebrados vidros frontais e furtadas quatro motosserras. Na manhã desta última quarta-feira (29) nossa redação recebeu a visita da vítima JORGE SCHAUN, o qual informou que, apesar de haver uma câmera, sequer haviam iniciado as investigações pela DP local. Procuramos a Delegacia de Polícia de São Lourenço do Sul, onde recebemos a informação de que "até a presente data não recebemos da Brigada Militar cópia da ocorrência chancelada. Por este motivo não podemos iniciar a investigação". Encaminhamos e-mail ao Delegado Edson Ramalho, o qual assim se manifestou: “a Polícia Civil orienta que os registros de ocorrência sejam realizados na Delegacia de Polícia, a qual possui plantão 24h. Casos registrados com a Brigada Militar necessitam do envio das ocorrências para início das investigações”.
Contraponto
* Nossa reportagem encaminhou e-mail ao Capitão Daniel Pierobom, o qual responde interinamente pelo Comando da 2º Cia BM, solicitando informações a respeito, o qual assim se manifestou: "O Comando da 2ª Cia informa que, em regra, não há demora ou atrasos na remessa de ocorrências por parte da Brigada Militar, podendo ocorrer, eventualmente, em virtude do grande volume de serviços burocráticos e do acúmulo de funções, além da defasagem de efetivo. Ainda, salienta-se que a ocorrência em questão já foi transmitida à Polícia Civil." 
Projetos de obras da CORSAN 
* Na quarta-feira (29) foi realizado no gabinete do prefeito uma reunião com a CORSAN, com a participação do prefeito Rudinei Harter, do vice-prefeito Tonho Lessa, do secretário de Planejamento e Meio Ambiente Sergio Hax, da procuradora adjunta Michele Roveré, e da equipe CORSAN: o diretor-técnico Antonio Gomes, o diretor de expansão Marcus Vinicius Caberlon, Elio Alvarez, Everton Dieckmann, Eduardo Guimarães e Gilson Schüssler. Na ocasião, foram debatidos os próximos passos para dar sequência às obras de finalização das lagoas de estabilização, estação elevatória e rede coletora. Foi abordada também a relação da CORSAN com a municipalidade, apresentando o que havia sido negociado anteriormente, e quais eram as intenções entre as partes. Também estiveram em pauta a readequação do projeto de esgotamento sanitário, lconsiderando os upgrades necessários na estação. O final do tratamento deve ter estrutura complementar para diminuir o teor de fósforo (ph). O executado da obra está de acordo com o projeto e apesar da paralisação, não existe deterioração significativa. Também foram discutidos os projetos para Coqueiro, Boa Vista e Reserva, sendo que o da vila Coqueiro está em fase final de projeto.
Programa de Ação Socioambiental (PASA) 
será desenvolvido em São Lourenço do Sul
* O Secretário Especial de Gabinete, coronel Valdoir Ribeiro, esteve em Canguçu na última quarta-feira (29) para assinar, em nome do município de São Lourenço do Sul, o acordo de cooperação com a Associação dos Fumicultores do Brasil – Afubra. Representando a Secretaria de Educação, Cultura e Desporto, esteve a coordenadora pedagógica, Beatriz Ramires Soares. O acordo tem como finalidade desenvolver o Programa de Ação Socioambiental (PASA), coordenado pela AFUBRA e desenvolvido através do Projeto Verde é Vida. Participarão, conforme orientação do projeto, as Escolas-Polo: E.M.E.F. Martinho Lutero, E.M.E.F. Germano Hubner e E.M.E.F. Francisco Fromming, e a Escola Multisseriada E.M.E.F. Davi Canabarro. O Programa de Ação Socioambiental (PASA), criado em 2002, tem como objetivo desenvolver ações com escolas e comunidades, na identificação e busca de soluções para problemas socioambientais. O prefeito municipal Rudinei Harter agradece o elevado número de professores municipais que participaram do evento.
Prefeito esteve presente na cerimônia 
de entrega dos veículos da CEEE
* O prefeito Rudinei Harter participou, com demais autoridades, da cerimônia de entrega de carros na agência CEEE de São Lourenço do Sul, na manhã da última quinta-feira (30). A Companhia assumiu este compromisso durante a audiência pública realizada no dia 3 de março e entregou três camionetes para a agência de São Lourenço do Sul. Os novos veículos complementam a frota, que atualmente está nova e em boas condições. O gerente regional de Camaquã, Cacio Bom, conduziu a entrega dos veículos. Em recente entrevista, ressaltou que eles possibilitarão mais agilidade no atendimento das equipes em campo, com melhorias diretas para os clientes da região Centro Sul. Segundo ele, os novos carros substituem aqueles que já apresentavam elevada vida útil e, consequentemente, maior tempo de manutenção. Cada equipe da região percorre em torno de 50 mil quilômetros por ano, sendo que 90% desses deslocamentos ocorre em estradas rurais, algumas de difícil acesso. Por isso a renovação de veículos é uma necessidade para a qualificação dos serviços.
Representantes da Liga da Defesa Nacional 
estiveram no gabinete do Prefeito
* O prefeito Rudinei Harter e o secretário especial da Gabinete, Coronel Valdoir Ribeiro, reuniram-se na sexta-feira (31) com a LDN - Liga da Defesa Nacional – Núcleo de São Lourenço do Sul, representada pelo seu presidente, Gustavo de Souza Ferreira e o vice-presidente, Juarez Viegas. Na ocasião, foi abordada a continuação da parceria nas atividades da Semana da Pátria e em outras datas comemorativas, com o objetivo de estimular, principalmente nos jovens, o espírito de civismo e patriotismo, o respeito aos símbolos Nacionais, a Bandeira do Brasil, o Brasão das Armas, o Selo Nacional e o Hino Nacional Brasileiro.
Primeira reunião ordinária do Conselho do Idoso 
aconteceu na última sexta-feira
* O secretário de Desenvolvimento Social e Habitação, Bruno Leitzke, participou na manhã da última sexta-feira (31) da primeira reunião ordinária do Conselho do Idoso. Na ocasião, Bruno apresentou as propostas de trabalho dos serviços que atendem os idosos e reforçou a relação de parceria do município com o conselho para os temas que envolvem o idoso. A equipe da secretaria sugeriu à presidente do Conselho, Mariza Rosane Hoffmann, que seja formada uma comissão envolvendo diversos segmentos de atenção ao idoso para construir uma política municipal. A conselheira Maira Hax trouxe vários informes sobre o Marco Regulatório das Organizações da Sociedade Civil que altera a forma de convênios e repasses financeiros entre sociedade e governo. A partir do março deverá ser aberto edital público para seleção dos projetos que visam atender o idoso, fato que merece especial atenção porque altera a formatação atual de repasse financeiro. A coordenadora do Conviver, Schirlei Von Laer, explanou sobre o trabalho desenvolvido no Centro do Idoso e também sobre a importância deste espaço para desenvolver uma política que atenda todos os idosos do município. Ressaltou também a sua preocupação com os idosos que têm dificuldades de acessar à rede de atendimento e vivem em situação de isolamento social. Nesse sentido, reforçou que as ações estão sendo programadas para atender a todos os idosos, tanto do projeto Conviver, quanto aqueles que não têm condições de chegar até o Centro do Idoso.
Audiência encaminha soluções e unidade em torno da Santa Casa
* Deputado Zé Nunes coordenou debate sobre situação do hospital. Transparência e envolvimento de todos em defesa da Santa Casa de São Lourenço do Sul. Estes são os principais resultados da audiência pública realizada na última segunda feira (03) pela Comissão de Saúde e Meio Ambiente da Assembleia Legislativa, coordenada pelo deputado Zé Nunes (PT). Dezenas de lideranças lotaram o auditório da Escola Marina Vargas para debater a crise financeira da instituição de saúde, que chegou a encerrar a atividade das unidades de pediatria, cirurgia e obstetrícia no dia 17 de março em decorrência da greve dos médicos, com salários atrasados desde outubro de 2016. Mesmo com o retorno dos profissionais ao trabalho e a reabertura dos serviços, o hospital continua em situação crítica. Participaram do debate os prefeitos Rudinei Härter, de São Lourenço; Fábia Richter, de Cristal; Selmira Milech Fehrenbach, de Turuçu, e Nataniel Satiro Duval Candia, de Amaral Ferrador, além de secretários municipais da Saúde, vereadores, líderes empresariais, a direção e o corpo clínico da Santa Casa de Misericórdia, trabalhadores, usuários do SUS, o coordenador regional adjunto de Saúde, Gabriel Vilela Andina – representando o governo estadual. O deputado Zé Nunes destacou a importância da iniciativa frente ao preocupante momento enfrentado pela saúde pública no estado e no país. Ele salientou que, no atual momento de redução das funções públicas do Estado, é fundamental que a gestão da saúde analise, além das questões frias dos serviços prestados, as especificidades de cada hospital e as realidades locais. “É inadmissível uma mãe viajar 800 km para garantir o nascimento de seu filho”, afirmou. A Santa Casa dispõe de 120 leitos- 95 deles destinados a internações pelo SUS-, quase 250 funcionários e atendeu mais de 148 pessoas no ano passado no setor ambulatorial. No entanto, acumula dívida de R$ 22 milhões e um déficit médio mensal de R$ 650 mil. O provedor José Nei Lamas dirige o hospital há 18 anos e atribuiu os problemas à crise estrutural do SUS, argumentando que o financiamento por parte do Estado e União são insuficientes. A audiência, que se estendeu até quase meia-noite, encaminhou um conjunto de ações a serem adotadas imediatamente. Entre elas, a formação de uma comissão dos trabalhadores para conversar com o provedor da Santa Casa, José Nei Lamas (presente à audiência) sobre a situação funcional; adoção de transparência total na radiografia da situação do hospital - o deputado Zé Nunes solicitou estas informações durante a audiência; reunião com todos os prefeitos e o secretário estadual da Saúde para buscar uma nova base de financiamento para o hospital, que desempenha importante papel no atendimento microrregional; implantar plano de gestão da Santa Casa; adoção de um plano de ação pelo hospital; realização de nova audiência pública sobre a situação da instituição de saúde no prazo de 30 dias e aumentar a composição do comitê de crise. (Assessoria de Imprensa Deputado Zé Nunes)
Expectativa de produtividade 10% maior nesta safra de arroz em São Lourenço do Sul
O 17º Núcleo de Assistência Técnica (NATE), do Instituto Rio Grandense do Arroz (IRGA), abrange os municípios de São Lourenço do Sul – onde se localiza a sede, Canguçu e parte de Cristal, totalizando uma área de arroz irrigado para essa safra de 12.830 hectares, atendendo aproximadamente 130 produtores. Apenas São Lourenço do Sul implantou 10.500 hectares da cultura nesta safra, o que representa um aumento de 7% se comparado com a área da safra anterior. Segundo o engenheiro agrônomo Cleo Soares, nesta safra a produção está dentro da normalidade. Ele afirma que cerca de 50% da área já foi colhida, com produtividade média de 7.400 Kg/ha. Em comparação à safra anterior, a expectativa é de uma produtividade 10% maior, considerando que na safra anterior houve frustração em consequência do clima desfavorável. 
Reunião dos gestores e recepção das professoras da Educação Infantil 
* NO ÚLTIMO dia 28 a equipe da Secretaria de Educação, Cultura e Desporto realizou atividades com intuito educacional. Pela manhã, aconteceu a reunião dos gestores de Educação Infantil, na sala de reuniões da ACI. Na oportunidade, a secretária municipal de Educação, Cultura e Desporto, Adriana Soares de Soares, abordou a temática liderança. Também foram discutidos assuntos pertinentes ao universo das escolas infantis. Um sorteio de brindes, alusivo ao Dia Internacional da Mulher, foi realizado. À noite, na sede social do SIMUSSUL, as professoras da Rede Municipal de Educação vinculadas à Educação Infantil foram recepcionadas pela equipe da E.M.E.I. Mundo Encantado para a 1ª Formação em Circuito, com a temática Educação Infantil em Movimento.
Jacob Rheingantz e seu bicentenário: um grande motivo para se comemorar a data
“A agricultura será a salvação da Província do Rio Grande; e os seus filhos que isso reconhecem, muito terão feito na Assembleia Provincial para animar o seu desenvolvimento. O lado norte da Província tendo abraçado com fervor esse ramo de vida, acha-se hoje florescente, enquanto que o sul definha por cuidar meramente do gado vacum. Verdade é que se fizeram algumas experiências com as projetadas colônias do Monte Bonito e do Fragata, mas, ou por falta de vontade ou por esterilidade do terreno, nenhuma das duas chegou a vingar! Hoje as coisas têm tomado outro rumo e, ao que parece, o município de Pelotas passará em breve a ter um estabelecimento colonial graças aos esforços de um estrangeiro ativo e laborioso, o sr. Jacob Rheingantz que, compenetrando-se dessa necessidade, tomou a deliberação de ir à Europa engajar braços. Esse senhor regressou dessa viagem no vapor passado e, há dois dias, viu largar âncora no nosso porto o navio holandês com 91 colonos para o seu novo estabelecimento. Bem-vindos sejam eles. As vantagens que nos trará a colônia do sr. Rheingantz está ao alcance de todos. Situada ela nas margens de São Lourenço, a poucas milhas de distância das cidades de Rio Grande e Pelotas. Abastecerá esses mercados com seus produtos, privando-nos, assim, de maiores misérias. O sr. Rheingantz espera mais três navios com colonos. Deus lhes proporcione uma boa e rápida viagem.” Essas palavras, publicadas na capa da edição número 2.703, de 9 de janeiro de 1858 do jornal Diário de Rio Grande, eram um grande estímulo ao empresário Jacob Rheingantz que traria, durante cerca de quatro décadas, um contingente enorme de gente que mudaria as feições econômicas da zona meridional da então Província do Rio Grande do Sul que só se ocupava com a pecuária. Até aquele ano não havia lavoura organizada em toda a região. Não havia quem plantasse de forma ordenada e com a finalidade de exportar. Toda a plantação era feita individualmente para consumo próprio, embora tenha havido tentativas infrutíferas em regiões do interior do município de Pelotas... Havia um anseio na população e nos meios políticos para que, finalmente, houvesse uma colônia agrícola organizada por aqui. E foi graças a Rheingantz que nossa Zona Sul começou a desenvolver e a mostrar sua pujança plutonômica no setor agrícola. Trazendo milhares de colonos, especialmente da Pomerânia, num período que durou aproximadamente de 1858 a 1890, Jacob proporcionou a alavancagem do progresso, com a fundação da Colônia de São Lourenço que, à época, fazia parte do município pelotense. Com todos os obstáculos que um investimento de um porte inimaginável, como o da imigração - realizada em épocas de dificuldades em transportes e de comunicações -, que a ele se opunham, mesmo com eventuais e poucos desafetos que procuraram minar seus esforços no meio de tanta gente boa, Rheingantz venceria todos os desafios. A angústia com o resultado que, por questão de honra, deveria ser positivo para ele, minou sua saúde e seu coração que de forma fulminante o matou, aos 60 anos de idade, quando se encontrava caminhando pelas ruas da cidade norte-alemã de Hamburgo a procura de novos braços de trabalho para o progresso do Brasil. Jacob Rheingantz nasceu no dia 10 de agosto de 1817 na pequena aldeia alemã de Sponheim, então pertencente à Prússia Renana. No próximo dia 10 de agosto de 2017 serão completados 200 anos de seu nascimento. Um motivo sobejo para que a data seja comemorada com júbilo. Afinal, foi um dos maiores divisores de água em nossa história: antes dele, uma zona despovoada, desprotegida, apenas pecuária e atrasada; depois dele, o intenso povoamento, o trabalho árduo e compensador de dedicados trabalhadores rurais, com o consequente desenvolvimento agrícola, até hoje admirado, começando, como previa o Diário de Rio Grande, uma era de abastecimento com os produtos coloniais extraídos da terra ou dos derivados de animais que criavam, aos mercados de Pelotas, de Rio Grande e da região, ”privando-nos, assim, de maiores misérias”, trazendo, como até hoje acontece, mais comida para as mesas dos rio-grandenses do sul e até de lugares mais longínquos. É necessário que nossas autoridades regionais relembrem o próximo dia 10 de agosto, casualmente o dia em que se comemora o onomástico do santo Lourenço, padroeiro do município-sede da grande colônia alemã que se expandiu para os municípios vizinhos, fazendo-se comemorações efusivas ao feito de Jacob Rheingantz, vulto de peso de nossa história. (Edilberto Luiz Hammes - Médico e historiador lourenciano - e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.)
Educação Infantil foi pauta na Promotoria de Justiça
* NO ÚLTIMO dia 29 de março reuniram-se na Promotoria de Justiça, a secretária de Educação Adriana Soares, a secretária Adjunta Cris Hax, a coordenadora da Educação Infantil Fátima Armesto, a Promotora de Justiça Dra. Cristiana Muller Chatkin, o Juiz de Direito da 2ª Vara Dr. Cleber Fernando Cardoso Pires e a Defensora Pública Dra. Marilia Brod Lokschin, quando trataram assuntos relacionados à Educação Infantil no município. Foram abordados vários temas que preocupam a Secretaria de Educação, como a demanda das crianças de 2 e 3 anos de idade para ocupar uma vaga nas escolas de educação infantil, devido aos espaços dos prédios locados, tendo em vista que são casas adaptadas. A Promotora de Justiça informou que o município, nos últimos anos, ficou estagnado em relação ao oferecimento de vagas, necessitando assim estabelecer metas para atender o mínimo de 50% das crianças de 0 a 3 anos até 2024. Hoje, o município necessita a abertura de aproximadamente 140 vagas para atender a demanda. A Secretaria de Educação, Promotoria, Defensoria e Judiciário estão em constante movimento, buscando soluções para a preocupante situação.
Dia 19: reunião do Conselho Municipal de Justiça e Segurança
* A próxima reunião do Conselho Municipal de Justiça e Segurança, segundo o presidente da entidade Ênio Ritter, será realizada na tarde do dia 19 de abril, a partir das 14 horas, na sede do Sindicato dos Trabalhadores Rurais. Todos os participantes estão convidados. O problema de segurança pública é nosso.
Polícia Civil de Canguçu realizou três prisões nesta semana
* NA ÚLTIMA quinta-feira (30), os agentes da Polícia Civil de Canguçu, coordenados pela Delegada Paula Aline Vieira Garcia, efetuaram a prisão do indivíduo com iniciais de E.K.R, 36 anos, por crimes contra o patrimônio, sendo o mesmo encaminhado ao Presídio Estadual de Canguçu. O indivíduo já havia praticado crimes contra o patrimônio no município. O acusado já respondeu pelos crimes Furto (dez vezes), Ameaça (duas vezes), Lesão Corporal (quatro vezes), Dano (duas vezes), Perturbação da Tranquilidade e Tráfico.
* Na manhã desta última sexta-feira (30), os agentes da Polícia Civil, coordenados pela delegada Paula Aline Vieira Garcia, prenderam o indivíduo com iniciais de V.V.B, 37 anos, por crimes relacionados à Violência Doméstica. 
3ª ETAPA DO ZONA SUL DE MTB MARATONA 2017
A localidade de Boqueirão, no interior do município sediou na manhã de domingo (02) a 3ª ETAPA DO ZONA SUL DE MTB MARATONA 2017. Nesta edição, 164 atletas brasileiros e uruguaios integraram o grid. O evento foi promovido pela União Lourenciana de Ciclistas (ULC), com apoio da Associação de Moradores do Boqueirão, Prefeitura Municipal e Polícia Rodoviária Estadual.
Confira os campeões da etapa:
ELITE – 57 KM - Felipe Fossati – Nobre/Pelotas
INICIANTE – 32 KM - Luiz Roberto centeno Farias (triploX/Camaquã)
SÊNIOR A – 47 KM - Marcelo Tavares (Triplo xXx – Camaquã)
SÊNIOR B = 47 KM - Francisco Germano Penning (ULC/K-Bike Team – São Lourenço do Sul)
SÊNIOR C- 47 Km - Márcio Flores (Giro 79/Gravataí)
SÊNIOR D – 32KM - Manoel de Souza (Triplo xXx – Camaquã)
FEMININA A – 32KM - Carolina Martins (Giro 79/Gravataí)
FEMININA B – 32KM - Cristiane Jackson (Ciclo Arpasul – Pelotas)
JUVENIL – 32KM - Alisson Klug (Triplo xXx – Camaquã)
ESTREANTE – 47 KM - Tiago Freitas (Triplo xXx – Camaquã)
MASTER A – 57 KM - Vilarbo da Silva Júnior (Camer Biek Shop – Gravataí) 
MASTER B – 57 km - Daniel Oliveira (AABB/Porto Alegre)
JÚNIOR – 57KM - Juan Brochado da Silva (Viamão)
SUB-30 – 57 km - Nanderson Meyer (ULC-KBIKE Team/São Lourenço do Sul)
KIDS MIRIM - Luis Henrique Kenes
KIDS MENOR - Gustavo Tessmann
KIDS MAIOR - Eduardo Campelo
KIDS FEMININA - Amanda Kuhn
Prefeito participou de reunião na Azonasul 
* O prefeito Rudinei Harter participou de uma reunião realizada na tarde do último dia 30 com os prefeitos da Azonasul. A reunião foi conduzida pelo presidente da entidade e prefeito de Jaguarão, Favio Telis. A primeira pauta foi trazida pela Dra. Suzana Viegas Neves da Silva, Coordenadora do Núcleo Regional do ODS – Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, que explanou sobre as formas das prefeituras serem parceiras para a construção de um futuro sustentável. Posteriormente, foram discutidas ações para o movimento pelas obras de duplicação da BR 116, em que a Azonasul é uma das entidades que atuam na liderança. Os gestores pensaram em medidas para ressaltar a importância desta obra em cenário nacional. Foi elogiada a organização do movimento metade sul. (DECOM)

 

 

 

O Jornal

Contato

Localização

Social

© 2018 Jornal O Lourenciano
Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.
Política de Privacidade

X

Right Click

No right click