Terça, 09 Outubro 2018 15:09

Sebrae: Oportunidade de desenvolvimento pelo turismo acontece nesta quarta-feira no Hotel das Figueiras

Por

                                                                                                              

Relatório desenvolvido pelo Sebrae RS e pela Unisinos será apresentado dia 10 de outubro, em São Lourenço do Sul

Rica em atrações tanto pela sua natureza quanto pela sua história e patrimônio, a Região Sul oferece possibilidades de desenvolvimento por meio do turismo. Em busca da identificação dessas oportunidades e dos elementos que são diferenciais, o Sebrae RS realizou radiografia da região por meio de pesquisa em 16 municípios - Guaíba, Barra do Ribeiro, Tapes, Arambaré, Camaquã, São Lourenço do Sul, Pelotas, Jaguarão, São José do Norte, Tavares, Chuí, Santa Vitória do Palmar, Arroio Grande, Piratini, Pinheiro Machado e Rio Grande – através do Instituto de Pesquisa de Mercado da Unisinos.

O levantamento gerou o Relatório de Oportunidades para o Desenvolvimento do Turismo na Região Sul do Estado, que será apresentado dia 10 de outubro, às 14h, no Hotel das Figueiras (Avenida Getúlio Vargas, nº 400, Balneário), em São Lourenço do Sul, para as lideranças da região.

Conforme a técnica do Sebrae RS e responsável pelo projeto, Amanda Paim, a pesquisa é uma demanda da governança para compreender e apoiar o desenvolvimento do turismo nas regiões Campanha, Fronteira Oeste e Sul. Juntas, as três regiões respondem por 10,6% do PIB do Estado, 16% da população e 8,6% dos municípios. O turismo foi uma das alternativas apontadas pelos grupos integrados por representantes dos setores público e privado e terceiro setor ao elencarem as prioridades para fomentar o desenvolvimento local.

O foco da pesquisa é analisar a qualidade dos atrativos, os serviços e a infraestrutura relacionados ao turismo, as iniciativas empreendedoras da região, bem como o potencial que pode ser explorado, entre outras peculiaridades. “Além da oferta de atrações, também procuramos identificar o perfil do visitante da região”, afirma Amanda. O trabalho foi feito em parceria com a Unisinos, pela expertise do Instituto de Pesquisa de Mercado, e pelo olhar diferente de quem vem de fora conhecer a região, destaca Amanda. Os resultados da pesquisa serão detalhados nesta quarta-feira, durante a apresentação.

Algumas conclusões da pesquisa:

- Existe a necessidade de inovar e melhorar os produtos turísticos

- É necessário melhorar a comunicação e divulgação da oferta

- A região é conhecida como Costa Doce, mas é preciso melhorar a compreensão e percepção junto ao mercado

- As águas são um grande potencial, e a prática de esportes náuticos deveria ser melhor explorada também como negócio, hoje é voltada para lazer.

Mais informações

Assessoria de imprensa Sebrae RS – 51. 3216.5182 / 5301

Renata Cerini – Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Ivana Gehlen – Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

O Jornal

Contato

Localização

Social

© 2018 Jornal O Lourenciano
Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.
X

Right Click

No right click