Redação

A UNIÃO LOURENCIANA DE CICLISTAS, em parceria com a PREFEITURA MUNICIPAL, promove neste sábado, dia 27, o PASSEIO CICLISTICO alusivo ao aniversário do município. O evento será na PRAÇA CENTRAL, tendo início às 14 h.  A turma do pedal irá percorrer as ruas da nossa cidade em um roteiro para contemplar as belezas naturais. Para participar, basta fazer a inscrição no local. GRATUITA a participação.

JOSE VALDOIR RIBEIRO, coordenador da Defesa Civil Municipal está divulga reunião que acontecerá às 10 h desta sexta-feira (dia 26) na comunidade Nossa Senhora Medianeira, Lomba, com a presença do Eng. LÉLIO FALCÃO e outras instituições estaduais. O objetivo do encontro é discutir as possibilidades de contenção do Rio São Lourenço, e, conseqüentemente, reduzir as possibilidades de alagamentos produzidos pelas cheias.

A Escola Municipal de Ensino Fundamental Martinho Lutero realizou na manhã do dia 18 a Celebração de Páscoa na Comunidade Evangélica Luterana São Lucas, na Santa Augusta. A mensagem foi proferida pelo pastor Milton Vorpagel e as Servas da Comunidade participaram cantando Aleluia tendo acompanhamento instrumental de Almiro Hornke e Cia da Banda Boa Esperança. As demais apresentações foram realizadas pelos alunos que foram ensaiados pelos seus professores. Ainda foi divulgado a Campanha  "Bem para quem recebe, melhor para quem faz" que consiste na arrecadação de alimentos para Santa Casa e a Campanha #ameavida #ameoDiogo. A escola agradece a todos os envolvidos pela excelente manhã de reflexão e pela expressiva  presença das famílias.

 

No dia 26 de abril o município de São Lourenço do Sul comemora 135 anos de emancipação política.  Alusivo a data, a Câmara Municipal, através da Mesa Diretora, com o apoio de todos os vereadores, promove na segunda-feira (29), o resgate histórico do município, através da participação do advogado, historiador e escritor Jairo Scholl Costa. A Sessão Ordinária começa às 18h15. 

O colégio de líderes decidiu, em reunião no fim da manhã (23), apreciar, em primeiro turno, a PEC 272 2019, do Executivo, que retira da Constituição Estadual a obrigatoriedade da realização de plebiscito para a venda da CEEE, Companhia Riograndense de Mineração (CRM) e Companhia de gás do RS (Sulgás). A reunião foi coordenada pelo presidente da Casa, deputado Luís Augusto Lara (PTB).

Durante o período de Assuntos Gerais da reunião, o deputado Luiz Fernando Mainardi (PT) registrou o descontentamento e a discordância de sua bancada com o cercamento do Palácio Farroupilha pela Brigada Militar. Já o deputado Fábio Branco (MDB) registrou que a medida foi prudente e responsável.

Lara disse que a decisão de solicitar o auxílio da BM para o policiamento externo do prédio foi definida por ampla maioria dos integrantes da Mesa Diretora e que já ocorreu em outros momentos de votações importantes na Casa. Ele explicou que, em função das obras na Esplanada do Palácio Farroupilha, onde há concentração de materiais de construção, a BM achou melhor que o isolamento fosse feito na calçada da Praça da Matriz e não da AL, como em outros episódios.

Lara ressaltou que deputados, autoridades e servidores da AL têm livre acesso ao prédio, assim como aqueles que receberem senha para acompanhar a sessão nas galerias do Plenário 20 de Setembro. Ele ainda reiterou que todas as cadeiras das galerias serão liberadas, mediante senha, para serem ocupadas. O público que ficar na parte externa do Palácio Farroupilha poderá acompanhar a sessão por meio de um telão.  A sessão plenária começou às 14h, no Plenário 20 de Setembro.

Letícia Rodrigues - MTE 9373 | Agência de Notícias - 11:56 - 23/04/2019 - Edição: Sheyla Scardoelli - MTE 6727 - Foto: Michael Paz  

 
O MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, por sua Promotora de Justiça signatário Dra. CRISTIANA CHATKIN, no uso de suas atribuições constitucionais e legais, instaurou os seguintes Inquérito Civis com o fim de investigar os mesmos:
OBJETO: eventual falta de Alvará de Prevenção e Protreção contra Incêndio (PPPCI) de uma Biblioteca 
OBJETO: Trata-se de cópia do processo 067/1120002391-0, dando conta da existência de possível existência de loteamento na Av. Nonô Centeno
OBJETO: Acompanhar a situação de casa localizada à Rua Irmão Júlio 2211, a qual se encontra possivelmente abandonada e sendo utilizada para uso de drogas e prostituição. Ainda, acompanhar a situação de C. F. L. que, de acordo com relatórios do CAPS Pérola da Lagoa e Santa Casa, tem diagnóstico de HIV havendo relatos de que está se prostituindo, além de ser usuária de drogas e não aderir nenhum
tratamento proposto pela rede de apoio. Resolve, assim, promover as diligências indispensáveis à instrução do feito, determinando, desde logo, a adoção das seguintes providências:
A) Oficie-se ao CAPS para que, juntamente com a irmã de C., C., tentem fazer nova internação involuntária, ou com auxílio da DPE, mas em algum centro de saúde que consiga manter a paciente no local, para tratamento contra drogadição, verificando em outras clínicas, se acharem conveniente. B) Oficie-se à Polícia para saber da resposta sobre os fatos narrados no ofício enviado (crime).
OBJETO: Possível poluição sonora causada pelo  funcionamento de estabelecimentos comerciais sem alvarás, no entorno do Hotel das Figueiras, em São Lourenço do Sul. Resolve, assim, promover as diligências indispensáveis à instrução do feito.
OBJETO: investigar poluição ambiental e descumprimento de licença de operação por parte de entidade rural, considerando o que foi relatado nos TCs 3550162 e 3557958
OBJETO: Apurar possível atividade irregular de abate/industrialização / comercialização de produtos de origem animal sem registro em órgão de inspeção sanitária oficial que autorize a comercialização intermunicipal.

Serviço aguardado com grande expectativa pela comunidade lourenciana é retomado. Pegador de Cavalos Darlan Weber já trabalha há três semanas, tendo recolhido até o momento 30 cavalos em vias urbanas no município. O contato do novo pegador de cavalos é o 053 991632521. Segundo informações obtidas junto ao novo pegador de cavalos os serviços veterinários, se forem necessários, ficam a cargo do pegador.

Na madrugada desta terça-feira (23) a Policia Civil, por intermédio da Delegacia de Repressão às Acoes Criminosas Organizadas (DRACO) de Pelotas, realizou uma mega operação envolvendo 600 Policiais Civis, inclusive, com a participação da chefe de policia delegada NADINE ANFLOR. 11 Policiais Civis de São Lourenço do Sul, liderados pelo Delegado EDISON RAMALHO, participaram da operação Hermanos visando o cumprimento de dois mandados de busca e apreensão coletivos em dois condomínios de apartamentos, totalizando 480 buscas. A ação decorreu de investigação acerca da atuação de organização criminosa que extorquia e ameaçava pessoas nos residenciais Montevideo e Buenos Aires, inclusive expulsando os moradores. Verificou-se, durante as investigações, que muitos apartamentos serviam como esconderijos de foragidos e armas de fogo. A ação policial, além de repressiva, objetivou devolver os condomínios aos seus moradores de bem, que são a maioria. Participar dos trabalhos aproximadamente 600 policiais civis e 50 policiais militares, de várias regiões do Estado, tratando-se da maior operação policial já implementada no sul do Estado.

Mais uma rua está recebendo pavimentação pelo programa Rua Mais Segura, desta vez, a Jacob Rheingantz, entre as ruas Sony Soares Correa e Mariz e Barros. A obra realizada com blocos de concreto iniciou na semana passada.

O Programa Rua Mais Segura foi criado pela Administração Municipal em 2017 para levar pavimentação às vias e logradouros em declive ou aclive acentuado. As áreas consideradas de risco são definidas através de laudo da Defesa Civil. Pelo programa, a Administração Municipal fica a cargo do material utilizado e a comunidade com a mão de obra.

Várias ruas já foram beneficiadas pelo programa. Próximo a rua Jacob Rheingantz, outra obra pelo programa está em finalização, na Oswaldo Aranha, também no trecho entre Sony Soares Correa e Mariz e Barros.  

A Secretaria de Educação Cultura e Desporto, juntamente com as escolas desenvolveu no dia 12 de abril uma formação continuada debatendo a educação no município, dando ênfase no Desafio do Dia D, o qual se relaciona com a Base Nacional Comum Curricular e o Referencial Curricular Gaúcho, através de atividades que terão continuidade nos seus próximos três encontros já previstos para os meses de junho, agosto e outubro.

No primeiro momento, foi realizado um diagnóstico da formação continuada dos professores, onde deveriam informar através de um questionário a sua formação, carga horária e formação docente. Logo, foi proposto um desafio pela Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (UERGS), onde os professores em conjunto refletiram sobre o Referencial Curricular Gaúcho.

A Base Nacional Comum Curricular (BNCC) é um documento normativo que define o conjunto progressivo das aprendizagens essenciais que todos os estudantes têm o direito de desenvolver ao longo das etapas e modalidades da educação básica. O Referencial Curricular Gaúcho (RCG) é um documento que foi elaborado em regime de colaboração entre a Secretaria de Estado da Educação (SEDUC), a União Nacional dos Dirigentes Municipais da Educação (UNDIME/RS) e o Sindicato do Ensino Privado no Rio Grande do Sul (SINEPE/RS), o qual será um documento orientador dos currículos das escolas gaúchas a partir de 2019. Com base no RCG, as escolas municipais, estaduais e privadas precisam se reunir, e trabalhar de forma colaborativa para estudar, organizar e criar o Documento Orientador do Município, o qual irá nortear os currículos das escolas municipais.

Página 1 de 702

O Jornal

Contato

Localização

Social

© 2018 Jornal O Lourenciano
Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.
Política de Privacidade

X

Right Click

No right click