Quinta, 06 Dezembro 2018 06:38

David M. Baini edição 06-12-18

Por

BM e PC combatem as drogas que alimentam a criminalidade
* INFELIZMENTE para os participantes do crime e para felicidade geral da população lourenciana, a Brigada Militar e a Polícia Civil vem prendendo, diariamente, vários elementos que vinham abastecendo os dependentes em drogas em nosso município. Este é um importante trabalho realizado em favor da sociedade civil organizada, ordeira e trabalhadora. Uma legislação aqui no Brasil, que tornou os menores de 18 anos de idade praticamente inimputáveis fez com que alguns adultos criminosos, os atraíssem para a linha de frente da droga, do furto, dos assaltos e outras ações criminosas. O que se vê em São Lourenço do Sul, felizmente é uma ação alinhada entre a Brigada Militar, Polícia Civil, Conselho Tutelar, Ministério Público, Poder Judiciário e outras entidades. Isso não é apenas bom. É ÓTIMO!


Santa Casa ajuizou ação contra o Governo do Estado
* ESTA COLUNA recebeu por whats cópia do Processo 067/1.16.0000770-0, onde a Santa Casa ajuizou uma ação contra o Governo do Estado que lhe deve R$ 1,9 milhão. Reproduzo parcialmente o texto:
“Santa Casa de Misericórdia de São lourenço do Sul, por seu advogado infra-firmo, nos autos do processo em epígrafe, que a entidade participa como amicus curiae (AÇÃO CÍVEL PÚBLICA), que o Ministério Público Estadual move contra o ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, ora em fase de cumprimento de sentença, vem à presença de V. Excia., em seguimento à petição protocolada neste órgão em 29/11/2018, promover retificação e trazer novos elementos, a seguir descritos, conforme planilha em anexo:
1, Que o valor objeto do bloqueio determinado pelo Juizo desta Comarca foi rigorosamente correto. Visto, que o valor que o Estado devia a Santa Casa era o de 27/09/2018; no caso o bloqueio judicial foi decretado em 04/10/2018 e a entidadde recebeu o valor devido efetivamente em data de 09/10/2018.
2. Que o réu alegou ter sido feito bloqueio a maior, na ordem de R$ 338.574,23, o que não condiz com a verdade, na medida em que o valor devido era de 27/09/2018, e compulsando documentação da Santa Casa, verefica-se que houve ingressos de valores de parte do réu nas datas de 04/10/2018 e 05/10/2018, descontada a importância de R$ 17.392,00, referente ao Incentivo Estado julho/2018 e Nefrologia FAEC, agosto/2018. 3. Ressalta-se que o réu nunca repassa as verbas estaduais e federais integralmente, sempre em percentuais baixos e em várias parcelas com datas incertas, sempre a seu alvitre”.
Faço questão de elogiar o PROERD realizado pela Brigada Militar em SLS
O Programa Educacional de Resistência às Drogas (PROERD), realizou a formatura de 168 alunos de escolas da sede e do meio rural na última sexta-feira. A elogiada iniciativa foi da Brigada Militar. Confesso que fiquei muito feliz com o fato. Uma vez, escutando uma palestra de um Médico Psiquiatra, em Porto Alegre, aprendi que “A hora de alertar os filhos e crianças em geral para o problema das drogas é ainda na infância, a partir dos 5 anos de idade. Quando estiver na juventude, quem irá falar-lhes sobre as drogas serão seus amigos, alguns já dependentes de drogas, induzindo-os a uso inconsciente de entorpecentes”. Que novos cursos venham para São Lourenço do Sul no próximo ano. Parabéns à BM.

O Jornal

Contato

Localização

Social

© 2018 Jornal O Lourenciano
Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.
X

Right Click

No right click